Imagine por um momento que seu despertador acaba de tocar. Você abre os olhos, levanta da cama e não tem absolutamente nenhum objetivo a cumprir simplesmente porque você decidiu viver sem metas.

Não que você tenha se tornado uma pessoa relapsa, desleixada, que não sabe o que quer da vida. Pelo contrário. Você decidiu intencionalmente viver sem metas para experimentar viver o momento presente e focar apenas na jornada.

Eu sei que isso pode parecer controverso para quem gosta de falar sobre produtividade, gerenciamento de tempo e desenvolvimento pessoal. Mas continue lendo este artigo para entender melhor a proposta. Nele vamos ver:

  • Por que viver sem metas pode ser uma alternativa interessante
  • O que significa viver sem metas
  • Como deixar as suas metas de lado e focar apenas na sua jornada
  • O que aconteceria se você experimentasse viver sem metas?

Vamos começar entendendo por que viver sem definir metas pode ser uma opção interessante para algumas pessoas.

Por que viver sem metas pode ser uma alternativa interessante

Viver sem metas

Em qualquer site, livro ou curso sobre produtividade e desenvolvimento pessoal, definir objetivos de vida é algo praticamente obrigatório.

Quase todos os ensinamentos na área do desenvolvimento pessoal possuem as metas como um de seus pilares. E isso faz muito sentido para a maioria das pessoas.

Só que nem todas as pessoas são iguais.

Enquanto algumas pessoas se sentem extremamente motivadas ao definir metas específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazo definido, outras pessoas se sentem pressionadas por essas metas.

Para esse segundo grupo de pessoas, traçar objetivos dessa maneira tem o efeito contrário ao desejado. Além de não se sentirem motivadas, essas pessoas se sentem infelizes em ter que organizar a vida em torno de metas e se sentem frustradas por não conseguir se manter na linha até cumprir a meta.

Em outras palavras, para algumas pessoas ter metas é algo que impede a própria satisfação com a vida.

Se esse é o seu caso, experimentar viver sem metas mesmo que apenas por um período pode ser uma alternativa interessante.

O que significa viver sem metas

O que é viver sem objetivos

Antes de prosseguirmos, precisamos ter clareza sobre o que significa viver sem metas.

No contexto de produtividade, viver sem metas não significa que você abriu mão dos seus sonhos. Não significa que você vai deixar de lado seus valores pessoais, seus desejos, seus grandes sonhos.

O que estamos falando aqui é da decisão intencional e planejada de abrir mão do sistema de metas para realizar os seus sonhos. Ou seja, em vez de traçar objetivos específicos e com prazo para tentar realizar seus sonhos, você vai adotar outra estratégia.

Essa outra estratégia é focar apenas no momento presente. É se concentrar na jornada e aprender a obter satisfação somente por estar na jornada, sem ter que esperar os resultados aparecerem para se sentir satisfeito.

Quando você traça uma meta, quase sempre você está condicionando a sua satisfação à obtenção de um único resultado possível. Mas por que esse resultado seria o único caminho possível?

Ao abolir metas, você ao mesmo tempo se abre para um universo de possibilidades que antes não existiam.

Não é algo intuitivo ou que faça sentido para a maioria das pessoas. Mas pode ser sim uma alternativa bastante útil para alguns.

Vamos descobrir, então, como fazer isso na prática.

Como deixar as suas metas de lado e focar apenas na sua jornada

Sem metas

O primeiro passo para viver sem metas é bastante óbvio. Você deve jogar fora suas metas e abolir da sua vida a mentalidade de ter um objetivo a cumprir.

Apesar de ser óbvio, isso não é nada fácil para a maioria de nós. Quase todos nós fomos criados para correr atrás de certos objetivos. De notas na escola, da aprovação no vestibular, da conquista de um bom emprego.

Deixar a mentalidade orientada a objetivos de lado pode ser algo que vai requerer bastante esforço da sua parte. E isso só vai acontecer com sucesso se você substituir esse modo de pensar pelo foco na jornada.

A mentalidade da jornada

A arte de viver sem metas

Em certo sentido, a definição de metas é uma tentativa nossa de controlar o futuro. Nós pensamos em cumprir determinada série de ações a fim de obter um resultado desejado.

O problema é que tentar controlar o futuro é quase sempre uma batalha perdida. Uma série de acontecimentos não previstos ocorrem e todo o planejamento que fizemos pode acabar indo por água abaixo. E aí nós podemos acabar nos sentindo mal.

A ideia de viver sem metas é simplesmente abrir mão dessa difícil tentativa de controlar o futuro. E ao mesmo tempo se abrir a novas possibilidades focando apenas no momento presente, na jornada que temos pela frente.

Como algumas filosofias e religiões milenares já nos ensinam, quando estamos fixados em um resultado futuro acabamos não prestando atenção ao presente. E nessa divagação nossa mente acaba encontrando o sofrimento pelo desejo de que a realidade fosse diferente do que ela de fato é.

Mesmo quando nós somos bem sucedidos e conseguimos cumprir a meta traçada, o que geralmente acontece é que passamos logo de imediato a desejar uma nova meta. E o ciclo de insatisfação e ansiedade continua.

Isso é algo que já foi percebido por diversos sábios, desde antigos hinduístas e budistas (que chamam esse ciclo de Samsara) até médicos de renome como Sigmund Freud (que disse que “A posse mata o desejo”).

Aula Especial

Como descobrir seus valores

Descubra segredo nº 1 que pessoas comuns estão usando para assumir o controle do próprio futuro aprendendo a montar um plano de vida capaz de transformar os seus maiores sonhos em realidade, passo a passo e começando absolutamente do ZERO!

Quero receber a aula

Trocando metas por valores pessoais

Para viver sem metas e ainda assim realizar os seus grandes sonhos, você precisa mudar a sua mentalidade de ação.

Ou seja, em vez de se perguntar qual o próximo passo a ser dado para cumprir uma meta, você precisará se perguntar se está fazendo o que deveria estar fazendo baseado nos seus valores pessoais.

Para que isso funcione, você deve ter uma lista objetiva, clara e hierarquizada dos seus principais valores pessoais.

Com essa lista, você conseguirá imediatamente identificar se cada tarefa que aparece na sua vida está ou não de acordo com esses valores.

Quando alguém diz que está insatisfeito, que sente que a vida está fora de controle, quase sempre o erro está na falta de sintonia entre o que a pessoa valoriza e o que ela está realmente fazendo.

Todos temos uma série de valores pessoais que são importantes para nossa felicidade. Quando a vida que estamos levando não preenche esses valores, temos uma sensação de vazio, de tristeza, de que alguma coisa está errada.

Ao decidir viver sem metas, você deixa de fazer as coisas pensando em quais tarefas realizar para cumprir seus objetivos para obter uma satisfação futura.

Em vez disso, você passa a se perguntar o que você deve fazer que te faz sentir satisfação agora, e não em um futuro incerto e distante.

Lembre-se: a ideia de viver sem metas não é que você deixe de realizar seus sonhos. É apenas a adoção de uma estratégia diferente para as suas realizações.

O que aconteceria se você experimentasse viver sem metas?

Goal less

Com tudo o que falamos até aqui, espero que tenha ficado claro que viver sem metas pode ser uma alternativa interessante para você realizar os seus maiores sonhos.

Em vez de torcer o nariz de forma reativa a essa ideia, considere experimentar viver sem metas pelo menos por um certo período em alguma área da sua vida.

Escolha algum objetivo que você vem tentando cumprir já há algum tempo, sem sucesso. E teste essa nova abordagem com esse objetivo difícil.

Faça uma lista dos seus valores pessoais, daquilo que é mais importante para você. Depois se pergunta qual a próxima tarefa que você pode cumprir que te dê imediata satisfação por estar plenamente alinhada a esses valores.

Não estamos defendendo aqui que viver sem metas é a solução para todos os sonhos de todas as pessoas. Mas assim como ter metas claras ajuda muita gente, a ideia de viver sem metas pode ajudar outras tantas.

O importante aqui é se manter curioso e aberto a novas possibilidades, para descobrir o que funciona para você. No fim das contas, é isso o que realmente interessa.

Caso você tenha interesse em temas como este e queira se desenvolver ainda mais como ser humano, eu te convido a conhecer o nosso curso Desenvolvimento Pessoal.

Seiiti Arata

Orientador nos cursos Arata Academy, que já impactaram dezenas de milhares de estudantes em cinco continentes. Profissional de desenvolvimento pessoal considerado escolha número um (top of mind) por líderes, empresários, estudantes e formadores de opinião.

1 Comentário

  1. Otimo! Amei isso. Me ajudou muito no momento de nao encarar como um prazo apenas começar a fazer porque isso sim me dá liberdade.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4.699 membros Ícone do Desafio jfb_p_buttontext

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext