Primeira segunda-feira do ano. O dia intergalático de começar uma dieta.

Dessa vez, o Mude.vc tem um desafio diferente a propor para você: passar 30 dias comendo exclusivamente comida de verdade.

Praticamente todos os livros sobre a chamada Paleodieta – de Dr. Loren Cordain a Robb Wolf, de Dallas e Melissa Hartwig a Mark Sisson – afirmam que a melhor forma de se experimentar o estilo de vida proporcionado por se alimentar com comida de verdade é dar uma real chance a esse tipo de alimentação por 30 dias consecutivos.

E que dia melhor para iniciar esse experimento do que esta primeira segunda-feira do ano?

Para termos um guia a ser seguido, sugerimos que você acompanhe “The Whole30 Program“, de Dallas e Melissa Hartwig.

Isso porque lá temos um programa gratuito, simples e com regras bem claras. Você pode baixar um PDF com as regras em inglês ou em espanhol, mas nós vamos trazer aqui em bom português o que você deve fazer nos próximos 30 dias: de 5 de janeiro de 2015 a 3 de fevereiro de 2015.

O porquê do desafio de 30 dias com comida de verdade

O objetivo do desafio dos 30 dias é eliminar completamente os grupos de alimentos que, segundo a Paleodieta, trazem malefícios para a maioria das pessoas: açúcares, cereais, leguminosas e laticínios.

Se você sente falta de energia, dores inexplicáveis, excesso de muco, problemas intestinais, alergias, baixa fertilidade ou até síndrome metabólica, o consumo desses alimentos pode ser a razão.

Para ter certeza, basta você retirá-los da sua alimentação pelos próximos 30 dias e observar os efeitos.

Veja bem: a abordagem do Mude.vc em relação à alimentação é bem mais flexível. Nós geralmente sugerimos que você mantenha-se pelo menos 80% dentro das diretrizes da Paleodieta e no máximo 20% fora.

Porém, para este desafio de 30 dias, a abordagem será a do programa Whole30, ou seja, eliminação completa para uma comparação de choque.

Essa é uma maneira prática de saber se esses grupos de alimentos realmente fazem mal para você. Ao final do desafio, você poderá avaliar se vale a pena continuar alimentando-se dessa forma ou se é possível reinserir moderadamente alguns dos alimentos banidos nos próximos 30 dias.

O objetivo do programa é apertar o botão de “reset” e reinicializar o seu metabolismo. Ou para usar a palavra da moda, fazer um “detox”.

Os especialistas que citamos acima garantem que esse período radical de 30 dias é suficiente para mudar a sua vida.

Então, por que não experimentar? Afinal, são meros 30 dias. Você não está assinando um compromisso para o restante da sua existência…

O que comer

comida de verdade

Coma somente comida de verdade: carnes, frutos do mar, ovos, muitas verduras, algumas frutas e bastante gorduras boas vindas de frutas, óleos, nozes e castanhas.

Busque comidas com poucos ingredientes, que sejam ao menos pronunciáveis. Sabe do que estamos falando?

Pense em uma comida industrializada que seja vendida como saudável. Vamos usar o iogurte grego como exemplo.

Os comerciais nos falam que o iogurte grego é um alimento saudável, certo? Dê uma olhada no rótulo:

“Leite integral, leite integral reconstituído, açúcar, leite em pó desnatado, creme, preparo de mel (água, frutose, mel, amido, aromatizantes, conservador sorbato de potássio, espessante goma guar e goma xantana, acidulante ácido cítrico), amido modificado, frutose, fermento lácteo, proteínas lácteas, estabilizantes gelatina e pectina, glúten

Comida de verdade é feita de somente um ingrediente. Maçã é maçã. Picanha é picanha. Brócolis é brócolis.

Agora já sabemos que você está pensando algo como: “se eu tirar cereais, leguminosas, açúcar e laticínios vou morrer de fome! Não vou ter nada para comer!!!”.

Veja algumas das opções que lhe restam:

Verduras

  • Acelga
  • Agrião
  • Alface (lisa, crespa ou americana)
  • Almeirão
  • Brócolis
  • Catalônia
  • Couve manteiga
  • Couve-flor
  • Endívia
  • Erva doce
  • Escarola
  • Espinafre
  • Mostarda
  • Rabanete
  • Repolho
  • Rúcula

Carnes bovinas

  • Alcatra
  • Picanha
  • Maminha
  • Patinho
  • Contra-filé
  • Coxão duro
  • Coxão mole
  • Músculo
  • Filé mignon
  • Fraldinha
  • Pescoço
  • Acém
  • Capa de filé
  • Filé de costela
  • Lagarto
  • Chã-de-fora
  • Chã-de-dentro
  • Maminha de alcatra
  • Ponta de agulha
  • Aba de filé
  • Paleta
  • Peito

Legumes, raízes, raízes tuberosas

  • Batata doce
  • Mandioca/macaxeira
  • Tapioca (fécula extraída da mandioca)
  • Inhame
  • Cenoura
  • Cebola
  • Pepino
  • Abóbora
  • Beterraba
  • Pimentão
  • Quiabo
  • Vagem
  • Gengibre
  • Tomate
  • Tomate seco

Frutas

  • Morango
  • Framboesa
  • Cereja
  • Mirtilo
  • Abacate
  • Açaí
  • Abacaxi
  • Acerola
  • Ameixa
  • Banana
  • Café
  • Carambola
  • Caju
  • Cajá
  • Caqui
  • Coco
  • Figo
  • Grapefruit
  • Goiaba
  • Jabuticaba
  • Pitomba
  • Kiwi
  • Laranja
  • Limão
  • Lichia
  • Mamão
  • Maracujá
  • Melancia
  • Melão
  • Manga
  • Maçã
  • Mexirica
  • Pêra
  • Pinha
  • Pêssego
  • Uva
  • Jaca

Peixes

  • Salmão
  • Hadoque
  • Atum
  • Sardinha
  • Tilápia
  • Badejo
  • Surubim
  • Cação
  • Linguado
  • Robalo
  • Tainha
  • Dourado
  • Pintado
  • Tucunaré
  • Pacu
  • Tambaqui

Frutos do mar

  • Camarão
  • Lagosta
  • Caranguejo
  • Guaiamum
  • Siri
  • Lagostim
  • Mexilhão
  • Ostra
  • Lula
  • Polvo

Temperos

  • Sal marinho
  • Coentro
  • Cebolinha
  • Alho
  • Alho poró
  • Hortelã
  • Manjericão
  • Orégano
  • Canela
  • Salsão
  • Salsinha
  • Coentro
  • Vinagre

Frango ou Peru

  • Coxinha da asa
  • Meio da asa
  • Asa
  • Peito
  • Filé de peito
  • Filezinho
  • Sobrecoxa
  • Coxa
  • Pescoço
  • Dorso
  • Sambiquira

Frutos secos, nozes e castanhas

  • Castanha de caju
  • Castanha do Pará
  • Amêndoa
  • Pistache
  • Pinhão
  • Nozes
  • Macadâmia

Ovos

  • Ovo de galinha
  • Ovo de codorna
  • Ovo de avestruz

Outras carnes

  • Porco
  • Codorna
  • Carneiro

Óleos vegetais

  • Azeite de oliva
  • Óleo de macadâmica
  • Leite de coco
  • Óleo de coco

Basicamente, tudo o que você tem a fazer é, a cada refeição maior, escolher uma porção de proteínas (um tipo de carne ou ovo), uma porção de vegetais (verduras e legumes) e, se for o caso, uma porção de carboidratos (frutas ou raízes tuberosas, como mandioca ou batata-doce).

Nessa lista há opções para, se você quiser, não repetir nenhuma refeição durante um mês inteiro. E, acredite, aí não estão listados todos os tipos de carnes, frutas, legumes e verduras existentes.

O que não comer nos próximos 30 dias

comida de verdade não é pizza

Mais importante do que saber o que comer é saber o que não comer durante o desafio.

O mais importante é você não consumir, de maneira alguma, açúcar nem trigo.

Quando falamos açúcar, estamos falando não somente do açúcar de cozinha, mas qualquer tipo de açúcar: xarope, mel, agave, adoçantes artificiais, estévia, frutose em pó, dextrose, maltodextrina, nada.

E quando falamos em trigo, obviamente, estamos também eliminando todos os derivados: pão, macarrão, lasanha, massa, biscoitos, bolachas, barrinhas de cereais etc. etc. etc.

Eliminando esses dois ingredientes, 80% do seu trabalho estará feito. Mas nesses 30 dias especificamente queremos ir mais além. Então você também deve eliminar:

  • Cereais: arroz, aveia, cevada, milho, amaranto e – claro – trigo.
  • Leguminosas: feijão, soja, grão de bico, lentilha, amendoim, ervilha.
  • Álcool: principalmente de cerveja, que é feita com cereais.
  • Laticínios: leite, creme de leite, iogurte, chantilly, queijo. Laticínios estão em uma área cinzenta, com divergências entre os especialistas. Mas neste desafio de 30 dias também vamos eliminá-los. A exceção é a manteiga, de preferência clarificada (Ghee), que você pode usar para cozinhar.
  • Substitutos: neste desafio, também vamos eliminar os substitutos, usados em muitas “receitas Páleo”, como as farinhas sem glúten.

O que beber

Todas as bebidas industrializadas estão proibidas, não importa se é Coca-cola, suco de caixinha ou água de coco engarrafada.

Estão liberadas para beber: chá, café, água de coco natural, suco de frutas natural e principalmente água, muita água. Lembre-se de que as bebidas não podem ser adoçadas.

Desafie-se por 30 dias

desafio da comida de verdade

Sim, sabemos que esse desafio é bem radical. Mas ele só dura 30 dias.

Seu trabalho por apenas 30 dias será focar-se em comer comida de verdade. Você não precisa fazer nenhuma outra coisa: não precisa comer de 3 em 3 horas, não precisa pesar nem medir as refeições, não precisa se importar com quantidade.

A única coisa que você tem que prestar mais atenção é se está consumindo verduras o suficiente, para obter todos os micronutrientes de que necessita e as fibras para facilitar a digestão.

No mais, apenas coma comida de verdade e veja os resultados aparecerem.

A razão para o “radicalismo” é qu emesmo algumas poucas quantidades de alimentos inflamatórios podem quebrar o ciclo de saúde e energia. Sim, uma fatia de pizza pode estragar o trabalho de um mês inteiro neste desafio.

“Nem considere a possibilidade de um escorregão. A não ser que você esteja amarrado e caia de cara em um pacote de biscoitos, não existe escorregão. Você é que faz as escolhes quando come algo não saudável. Sempre é uma escolha, não coloque como se fosse um acidente. Comprometa-se 100% com o programa por 30 dias consecutivos. Não se dê a chance de uma desculpa antes mesmo de começar.

Você nunca, nunca, nunca TEM que comer alguma coisa que você não quer comer. Todos somos homens e mulheres crescidos. Aprenda a dizer não. Aprenda a cumprir suas promessas. Só porque é o aniversário da sua irmã ou o casamento do seu melhor amigo ou a festa da firma, isso não significa que você TEM que comer nada. Sempre é uma escolha, e nós esperamos que você pare de sucumbir a pressões de colegas como se ainda estivesse na escola.” ~ Dallas e Melissa Hartwig

São somente 30 dias, e para o seu próprio bem. E aí, topa o desafio?

P.S.Se você tem interesse em estilo de vida saudavel, veja esta aula especial do projeto Natugood mostrando como a resistência a um hormônio chamado leptina pode estar impedindo você de chegar ao corpo dos seus sonhos. Clique aqui para ver a aula.

41 Comentários

  1. E a Batata inglesa? Pode?

    Responder
    • Pode, mas se o seu objetivo é emagrecer, pega leve pq batata inglesa é puro carboidrato :)

      Responder
  2. Olá!

    Sou magérrima e meu objetivo é ganhar massa muscular, pois sou corredora. Esta dieta é conveniente também para quem está muito magro?

    Responder
    • olá márcia!
      esse também é o meu caso, sou corredor e estou tentando a dieta, ou , pelo menos, fazendo melhores escolhas com o que como! está funcionando, mas reparei alguma perda de peso; só que o trato intestinal está muito, muito melhor! você também está fazendo a dieta? que tipo de corrida você pratica?

      Responder
  3. Oi! Sou vegetaria, o que posso consumir de proteína? Estou me tornando vegana então cortei o ovo e estou reduzindo o leite, no caso quero seguir essa dieta por 30 dias mas terei que inserir a soja, daria certo mesmo assim?

    Responder
    • oi ana paula!
      estou tentando a dieta, mas optei apenas por fazer melhores escolhas por enquanto; meus amigos estão criticando, mas estou convicto de que só o fato de ter mais cuidado com o que se come já funciona muito bem! no seu caso, a minha sugestão é que você faça a experiência com a soja, e, se se sentir melhor é porque funciona! abraço!

      Responder
  4. puxa, acabei cometendo alguns deslizes…
    mas agora não largo mais o desafio de comer só comida de verdade, me sinto muito melhor do que antes, quando comia igual a maioria das pessoas;
    estão é isso, vou até conseguir!

    Responder
  5. Olá, só tomei conhecimento da whole 30 agora, mas antes de fazer 30 dias desse desafio, gostaria de saber a opinião de quem já fez. Você conseguiu ? Teve muita dificuldade ? Depois dos 30 dias, como ficou sua alimentação ? Obrigada

    Responder
  6. O artigo deste desafio me trouxe uma questão:

    Quais os alimentos que melhor substitui o arroz e o feijão?

    Responder
    • Não existe uma resposta exata para isso, pois o que você está querendo substituir? Se for para manter os carboidratos, a melhor opção provavelmente é batata-doce. Mas só um nutricionista pode te receitar uma dieta adequada.

      Abraços!

      Responder
  7. Olá, gostei da dieta, mas fiquei em dúvida numa parte. Por que cereais e legyminosas não pode? Feijão não faz bem? Não é natural? Arroz, quinoa, amaranto, linhaça, chia… eu como tudo isso, eles me fazem muito bem. O que faz verdadeiramente mal são as massas refinadas, açúcar, corantes, estabilizantes, agrotóxicos, gordura trams, coisa que não identifiquei nesses grupos alimentares. Por que motivo leguminosas e cereais integrais fariam mal?

    Responder
    • Ingrid,

      Esses grãos (cereais e leguminosas), segundo os estudos mais recentes, possuem algumas substâncias (“antinutrientes”) que não são ótimas para o consumo humano. Além de serem basicamente carboidratos, dificultando a vida de quem quer emagrecer.

      Eles não fazem tão mal quanto açúcar e farinha de trigo, mas se o seu objetivo é emagrecer, o ideal é reduzir o consumo. Para mais informações, sugiro ler os livros “A Barriga de Trigo” e “Por que engordamos”.

      Responder
  8. Polvilho pode ser usado? seria o mesmo que a tapioca?

    Responder
    • Sim, é a mesma questão da tapioca: é ok, porém alto em carboidrato e com poucos micronutrientes. Não é o ideal para quem está buscando emagrecer, segundo os nutricionistas.

      Responder
      • Ok. Muito obrigada por me responder.
        Estou no quarto dia do desafio e estou procurando o que comer, rsrrs, sinto muita fome e ainda não me adaptei ao novo ritmo. Mas estou firme e animada, já sinto várias mudanças mesmo em tão pouco tempo.
        A maior dificuldade é o café da manhã e o lanche da tarde, antes do exercício físico, só como tapioca…. e tenho que trazer tudo pronto de casa para o trabalho… mas vamos em frente!

      • ou melhor, só como crepioca… não gosto de tapioca.

  9. O post está realmente muito claro e bem explicado, mas ainda tenho algumas dúvidas do tipo pode/não pode, se puderem me ajudar agradeço imensamente:

    Posso comer no café da manhã uma crepioca (fécula de mandioca+ovo) com frango desfiado, por exemplo?

    Pelo que entendi (não entendo bem o inglês), no site a autora abre uma excessão para o feijão verde, por ele ser de cozimento rápido e verde, então ele seria liberado no almoço, desde que preparado com as verduras e temperos liberados?

    Onde moro se come muito cuscuz de milho, o amarelinho, feito com flocos de milho pré-cozido. Pelo que pude entender, ele estaria proibido no Whole 30?

    Agradeço desde já!

    Responder
    • Nesse desafio específico, eu não usaria tapioca nem cuscuz…

      Responder
      • E o feijão verde?

    • Ela não abre exceção ao feijão verde, e sim à vagem e à ervilha torta… Isso fica bem claro no livro em português
      Sobre a tapioca, o que entendi é que pode ser usada como espessante, e não pura…
      Sim, o cuscus está proibido. Milho é proibido

      Responder
  10. Tenho uma dúvida: Eu como muito chuchu e abobrinha, e não os vi na lista. Pode?

    Responder
  11. Olá bom dia.
    Como não pode usar arroz e nem feijão, como seria um prato de almoço por exemplo?

    Responder
    • Com carnes, ovos, verduras, legumes, sementes, nozes, castanhas, óleos etc.

      Responder
  12. Comecei dia 04 a dieta páleo. Sem deslizes. Hoje dia 24/05/17 já perdi três quilos. Muito satisfeito com os resultados, obrigado a todos do site.

    Responder
  13. Olá me chamo Diógenes já tenho 16 dias hoje com a dieta gostaria de saber após os 30 dias como será a mesma coisa?
    Vai diminuir a restrições?
    Posso comer pipoca?

    Responder
    • Oi Diógenes,

      Depois de 30 dias, você avalia o custo/benefício do que está comendo com os resultados que está obtendo e aí avalia se continua ou não.

      Pipoca não se enquadra na definição de comida de verdade utilizada neste post.

      Responder
  14. Olá posso comer ameixa seca? É considerada comida de verdade?

    Responder
    • É sim, Ana. Desde que não tenha açúcar adicionado.

      Responder
  15. Eu topo

    Responder
  16. Achei muito interessante o desafio. Gosto muito de berinjela, que não está na lista. Pode? E o Kefir?

    Responder
    • Berinjela sim, mas Kefir por ser derivado de leite acaba não entrando nesse desafio do Whole30.

      Responder
  17. Bom Dia comecei dia 01/04/18 kilos, sou corredor, mais quero perder uns kilos para ficar com 72. final mes dou feedback.

    Responder
  18. Topo! Vamos lá!! Quero um estilo de vida, quero comer comida de verdade.

    Responder
  19. O damasco é considerado comida de verdade? Ele pode entrar no cardápio dos 30 dias?

    Responder
    • O damasco in natura sim, mas não aquele damasco vendido como fruto seco e geralmente com açúcar.

      Responder
  20. Essa dieta é adequada para quem quer ganhar massa muscular?

    Responder
    • Sim, desde que você ajuste os macronutrientes para chegar a valores que permitam a hipertrofia.

      Responder
  21. Olá
    Beringela não pode?

    Responder
  22. O q comer no café da manhã? O jejum intermitente tem ser de qto tempo?

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8.003 membros Ícone do Desafio jfb_p_buttontext

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext