Quando o assunto é organização pessoal, você acredita que existem pessoas que simplesmente nascem organizadas e outras que jamais conseguirão dar um jeito na própria vida?

Ou você já tentou ser uma pessoa mais organizada, focada e produtiva, mas como não conseguiu acabou concluindo que não nasceu para isso? Que nem adianta tentar aprender, já que você não tem o dom para se organizar?

Muita gente acredita nisso. E de tanto ouvir essa história resolvi investigar a fundo a questão.

Afinal, organização pessoal é um dom com o qual nascemos ou é uma habilidade que pode ser aprendida?

As respostas você encontra neste artigo, no qual veremos:

  • Por que a história das pessoas naturalmente organizadas e produtivas é um mito
  • É possível aprender a ser uma pessoa mais organizada, focada e produtiva?
  • Como melhorar sua organização pessoal com 3 passos práticos
  • O que aconteceria se você aprendesse a ser uma pessoa mais organizada?

Vamos começar falando sobre o mito das pessoas naturalmente organizadas.

Por que a história das pessoas naturalmente organizadas e produtivas é um mito

Para descobrir se organização, foco e produtividade são dons infusos, habilidades inatas com as quais as pessoas nascem ou não, é preciso responder duas perguntas:

  • Existem pessoas que não eram organizadas e produtivas e que hoje são?
  • Existem pessoas que são naturalmente organizadas e produtivas?

A resposta para a primeira pergunta é um retumbante sim.

Como eu sei?

Bem, eu mesmo era um sujeito bastante desorganizado uma década atrás. Se você duvida disso, pergunte para a Mamãe Valongueiro como era bagunçada a vida do sujeito aqui.

Um caso isolado como o meu não serviria para responder enfaticamente à primeira pergunta.

Acontece que, depois de ministrar mais de 2 mil horas de coaching e de ser o professor de mais de 600 alunos em meus cursos presenciais e online, eu já vi repetidas vezes pessoas aprendendo a ter mais organização pessoal.

O que nos leva à segunda pergunta: existem pessoas que são naturalmente organizadas e produtivas?

E a resposta aqui é não.

Pode até ser que existam pessoas com uma facilidade maior para a organização pessoal. No entanto, organização, foco e produtividade não se mantêm por meio de um “dom”.

Não existe mágica aqui. Se você quer se manter organizado a longo prazo, é preciso aprender uma série de estrategicas, técnicas e ferramentas que vão deixar sua organização pessoal em dia.

Mas o que seria exatamente essa organização pessoal?

É possível aprender a ser uma pessoa mais organizada, focada e produtiva?

Organização pessoal, foco e produtividade são habilidades. E, como qualquer habilidade, são coisas que podem ser aprendidas.

Como se aprende uma nova habilidade?

Bem, a fórmula aqui é conhecida de todos: estudar e praticar.

Se é algo tão simples, por que tanta gente acredita que a pessoa “é ou não é” organizada? Que “não nasceu para isso”?

No livro Mindset e no vídeo acima, a professora de psicologia da Universidade Stanford Carol Dweck explica os resultados de sua pesquisa de uma década analisando como as pessoas pensam.

A conclusão da pesquisa foi que existem basicamente dois tipos de mentalidade:

  1. A Mentalidade Fixa
  2. A Mentalidade de Crescimento

Pessoas com predominância da Mentalidade Fixa acreditam que seus traços de personalidade e suas habilidades são estáticos.

Essas pessoas acreditam que estão presas ao nível de inteligência, de organização pessoal ou de capacidade de concentração com que nasceram.

Por exemplo, acreditam que se não nasceram com o talento natural para a organização, permanecerão assim para sempre.

Dweck explica cientificamente por que esse tipo de pensamento está equivocado e mostra diversos exemplos de como ele pode ser prejudicial.

Está gostando deste texto?

Conecte seu Facebook para encarar desafios, encontrar parceiros e vencer seus objetivos. É gratuito, basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext

Mentalidade de Crescimento

Já as pessoas com predominância da Mentalidade de Crescimento acreditam que praticamente qualquer coisa sobre elas mesmas pode ser mudada mediante estudo, esforço e prática.

Essas pessoas pensam com a mentalidade do ainda não.

Elas reconhecem que alguns possuem mais aptidão para fazer determinada tarefa, no entanto não aceitam que estão codenadas a viver para sempre sem dominar uma habilidade que querem dominar.

Elas apenas pensam que ainda não tem tanta organização pessoal, por exemplo. Mas que terão em breve.

Uma característica interessante desse segundo grupo de pessoas, de acordo com Dweck, é que elas possuem menos medo de falhar. A psicóloga explica:

Cientistas mediram a atividade elétrica do cérebro enquanto estudantes encaravam um erro.

Nos estudantes com Mentalidade Fixa, quase não há qualquer atividade. Eles fogem do erro. Não se envolvem com ele.

Mas nos estudantes com a Mentalidade de Crescimento há a idéia de que habilidades podem ser desenvolvidas.

Eles se envolvem profundamente. Seu cérebro vibra com o ainda.

Eles se envolvem profundamente. Processam o erro. Aprendem com ele e corrigem-no.

Sendo assim, eu gostaria de te fazer um convite. Adote a Mentalidade de Crescimento e acredite que é possível se tornar uma pessoa mais organizada, focada e produtiva.

Eu vou te ajudar agora a mesmo a dar os primeiros passos.

Como melhorar sua organização pessoal com 3 passos práticos

Desorganização Pessoal

Seja você uma pessoa que tem uma tendência natural para a organização ou não, o primeiro passo para ter mais organização pessoal é colocar as coisas no papel.

Nossa mente é excelente para uma série de tarefas. Organizar, estruturar e recuperar informações não estão entre elas.

Por isso eu falo tanto sobre a importância de você ter um Plano de Vida organizado, estruturado e que traga para a realidade prática aqueles seus grandes sonhos de vida.

O segundo passo é dominar uma série de estratégias, táticas e ferramentas que permitam com que você concretize o que colocou no papel.

O terceiro passo é persistir, insistir, não desistir.

Lembra do conceito de ainda não?

Já perdi a conta de quantas vezes vi pessoas começarem a investir na própria organização pessoal e desistirem no meio do caminho.

Isso acontece, em parte, por conta de uma falha no segundo passo. Por não se ter uma estratégia de melhoria contínua e uma tática de revisões periódicas que mantenham o planejamento sempre em dia.

Mas também acontece por que essas pessoas não adotaram a mentalidade do ainda não.

Do contrário, saberiam que desistir não faz parte do processo de aprendizado. Falhar, errar e recomeçar sim.

O que aconteceria se você aprendesse a ser uma pessoa mais organizada?

Como aprender organização pessoal

Você já imaginou ter em um único local, de forma simples e organizada, todo o planejamento da sua vida?

Um planejamento que cubra desde os seus mais altos valores até o próximo passo prático que você precisa dar para cumprir os seus grandes objetivos?

Antes que você responda, quero dizer que eu sei que você não quer um Plano.

Ninguém quer um Plano. Nem eu mesmo.

O que todos nós queremos é concretizar nossos grandes objetivos, é trazer para a realidade prática aqueles sonhos que habitam nossa mente.

E um bom planejamento de vida é um meio indispensável para você atingir esse fim de forma simples, consistente e estruturada.

André Valongueiro

André Valongueiro é coach, educador e escritor. Vive a vida nos seus próprios termos, viajando o mundo enquanto trabalha 100% online. Aprendeu a arte de realizar sonhos com paz e sem ansiedade e quer ajudar você a fazer o mesmo. Visite o blog pessoal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4.067 membros Ícone do Desafio jfb_p_buttontext

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext