• Ana Carolina venceu o desafio de Trabalhar no que se ama: 6 anos, 6 meses atrás

    1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelasOlá! Venci este desafio dia 05/Agosto deste ano.
    Cursava tecnologia em Manutenção Industrial na faculdade pública e Gestão da Produção Industrial na modalidade a distancia, pois achava que tinha que focar ao máximo em minha carreira, pois sou jovem e depois que eu seria “realizada” profissionalmente eu poderia trabalhar menos para me dedicar aos meus hobbies, doce ilusão. Passei a atuar na indústria metalúrgica no início de 2012 na gestão de controle de manutenção e depois fui alocada para a gestão da Qualidade. Trabalhava 10 horas diariamente de segunda a sexta, estudava todas as noites na faculdade presencial e ainda me dedicava aos estudos nas horas livres da faculdade a distância. Passei a trabalhar diretamente com a direção da empresa e comecei a notar o estilo de vida destas pessoas que dedicam sua vida exclusivamente ao trabalho e em contrapartida comecei a notar que minha carga de trabalho aumentava em níveis astronomicos e que eu seria mais uma a ter este estilo de vida se quisesse me sobressair. Isso começou a me incomodar, eu não queria este destino para mim. Porem por outro lado, eu não via saídas, o que eu sabia fazer era trabalhar na indústria e realmente eu não tinha lógica em começar outra faculdade para vivenciar tudo isto novamente.
    Sempre tive muitos sonhos, não havia um dia que eu não procurasse ler um relato de pessoas que largaram tudo para dar a volta ao mundo ou viver com menos por uma vida mais minimalista, passei a entender que carreira não é tudo na vida de uma pessoa e desisti da faculdade presencial em Abril. Conheci uma empresa líder no sistema multinível de vendas de produtos e encarei junto com meu companheiro para fazer renda extra apenas, pois no meu pensamento, essa coisa de vendas era algo “vergonhoso” e não era para mim. Esse trabalhinho extra e que eu considerava “vergonhoso” no primeiro mês, cobriu o que eu ganhava na indústria e depois de 02 meses consegui entender que não importa o que as pessoas pensam ou acham, você deve fazer o que te faz feliz e não o que a sociedade vê como “uma carreira de sucesso”. Saí da indústria dia 05/Ago estou trabalhando em tempo integral com vendas de produtos Herbalife, fui viajar, subir umas montanhas e hoje com apenas 22 anos posso dizer que trabalho em casa, defino eu minhas metas, meus horários, posso acompanhar minha vó ao médico, minha mãe ao supermercado e pros outros isto pode não significar nada mas para mim são nestas coisas pequenas e insignificantes que encontro a minha felicidade. Alem de ajudar muitas pessoas com uma boa nutrição, tornando os seus hábitos cada dia mais saudáveis e os salvando de muitas doenças. Mais um desafio COMPLETO!

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext